01 maio 2007

Dia desses eu estava lembrando das minhas aulas de tango.
Lição número 1: Esqueça tudo o que você viu de tango em filmes americanos.
Esse negócio de dançar com a rosa na boca e tals..... tá tudo errado.
Mas achei que seria divertido eles dançarem errado, afinal história em quadrinho lida exatamente com preconceitos. Se fosse certinho, não ia ser divertido.

Quanto a "ser despertado".
Sábado eu acordei com a Maria Bethânia cantado "Explode Coração" a todo volume. Meu pai botou o disco. Tá, verdade que já era 11:30 e o aparelho de som fica lá do outro lado a casa, mas eu não desejo pra ninguém acordar sábado com a frase "como se fosse o sol desvirginando a madrugada, quero sentir a dor dessa manhã".

Mas a minha mãe sempre teve mania me acordar cantando coisas alegres (Bom dia amiguinho, como vai?/ A sua simpatia me atrai). Ela adentrava o quarto e abria as janelas cantando e eu sempre odiei isso. (Puts, agora que eu escrevi isso aqui no blog, ela não vai mais me deixar em paz) Nenhuma criança merece ser acordada de manhã para ir para escola por uma mãe cantarolante. Gostava mais do jeito do meu pai me acordar. Ele acendia a luz do quarto e grunhia qualquer coisa que eu nunca entendi. Combina mais com o mau humor com que eu acordo.

Dizem que todo homem deve fazer por dia pelo menos duas coisas de que não goste. Eu já faço. Me acordo de manhã e vou me deitar de noite.

5 comentários:

fe disse...

Adorei!!!
Também lembrei das aulas de tango e da época que acordava as 5:30 da manhã pra ir pra aula...
Meu pai me acordava sempre, literalmente pegando no meu pé. Era um processo muito difícil, porque ele também estava meio dormindo quando me acordava. Fora as milhares de vezes que eu voltava a dormir e perdia a hora. Tá, das aulas de tango eu morro de saudade, já das minhas aulas de manhã...

raquel alberti disse...

minha mãe é um ser cantante. até hj me arrepio de ouvir alguém cantar "a estrela dalva..." já meu pai é cantor de um hit só - "agora eu era herói..."
mas ninguém lá em casa me acordava cantando. qquer coisa mais animada de manhã só piora o meu mau-humor habitual. e eles têm medo...

Luiz Augusto disse...

HEHE! Boa tira! Eu levantava, tomava café da manhã, ia pra aula e logo antes do recreio eu acordava.

Hoje é a Janine que me acorda, melhor despertador do mundo!

Gisa, disse...

sim, sim, sim, eu também odiava a musiquinha do "bom dia amiguinho". Pode contar com a fraternal solidariedade da tua irmã mais velha, que foi a primeira a sofrer tais aflições...

Diogo disse...

muito boa a tira, mas o texto tá mais engraçado!
minha mãe sempre dizia algo como "suculeretche!!", é italiano, não sei bem o significado, mas sei o que quer dizer.