20 julho 2009

Chegada do Homem à Lua - Cartum do fundo do Baú


Anda-le, anda-le!
Antes de mais nada. Não, eu não desaprendi a desenhar. Esse cartum aí em cima é uma colaboração que eu fiz para a Zero-Hora em 1999, quando se deu a comemoração de 30 anos da chegada do homem à lua. O desenho é tosco, eu sei, mas eu ainda gosto da piada.
Continuando, hoje, 20 de julho de 2009, é aniversário de 40 anos da chegada do homem à lua, feito que não cansa de me impressionar. Sério, aquela expedição tinha tudo para dar errado, e pelo visto não sou só eu que acho isso. O Nixon já tinha até um discurso pronto para o caso de dar tudo errado. Mas, o negócio era aquele, os russos já estavam no espaço e os americanos tinham que fazer algo melhor, então foram para a lua assim que tiveram um mínimo de condições para fazer isso.
Fico impressionado ao pensar que o meu celular é um computador milhares de vezes mais potente do que todos os da NASA juntos naquela época (e eu me perco no centro de Porto Alegre). Era praticamente tudo mecânico e manual. E quando a gente vê o que aconteceu com a Apollo 13, ou com a Challenger, a gente tem que admitir que, além de tudo, os caras tiveram muita sorte.
Espero viver o suficiente para ver o homem chegar em Marte, pelo menos, e se eu puder ir, melhor ainda.
Abraços

4 comentários:

Piada Interna disse...

Melhor essa que Michael Moon Walk!

Señor Martini disse...

hehehe, o discurso do Nixon terminava mais ou menos assim: "chegaram em paz e em paz permanecerão na lua" caso desse tudo errado =] Eu pensei que tu ia fazer alguma tirinha sobre a apollo 11 e Kubrick, ou algo do gênero, hehehe
abs!

Ulisses Adirt disse...

Ai, ai, cartunista é um bicho que viaja...

;-)

Laryssa W. disse...

Já tinha vindo várias vezes aqui, admiro demais seu trabalho aqui no blog e te acompanho pelo twitter também, você é fera no que faz, parabéns ;)