28 novembro 2008

Fatman e Robada

Se você vai ao cinema esperando uma boa trama, uma fotografia belíssima, diálogos profundos, atuações memoráveis, cenas de ação de tirar o fôlego, afeitos especiais fantásticos... passe longe da Usina do Gasômetro nessa sexta-feira, às 20 hs, pois a Sala P. F. Gastal estará recebendo o lançamento da nova versão (remasterizada e com novos efeitos especiais) do média metragem portoalegrense “Fatman e Robada”, do Rogério Baldino.
Esse filme, para quem não sabe, é daquelas coisas que de tão trash, virou um cult (te cuida Zé do Caixão). É tão ruim que chega a ser divertido de assistir, sabe como é...Mas sei lá, admiro os caras que fizeram esse filme por dois motivos. O primeiro deles é que esse filme é antigo, de uma época em que ter uma câmera e fazer um filme era uma coisa muito mais complicada do que é hoje, e eles se prestaram a fazer isso. O segundo é a persistência. Não só eles fizeram o filme, como divulgam ele (tinha a VHS do filme em locadoras de Porto Alegre e chegou até a passar em uma emissora de TV local várias vezes) e agora está sendo lançado no cinema.
Bom, quem ficou curioso e quiser assistir a versão antiga toscamente gravada da TV, tem aqui, no Google Vídeos (está separado em duas partes), ou pode ver na telona hoje de noite a versão nova.
Com certeza é melhor que os filmes do Batman feitos pelo Joel Schumacher.
Eu vou!

3 comentários:

Carol disse...

Rsrsrs, Fatman e Robada!
Rodrigo, meu blog tem selos novos, você pode trocar o selo que está aqui por um dos que estão no meu blog? =)
Abraços

Bibiana disse...

Filmão!

Anônimo disse...

Obrigado por ajudar a divulgar o nosso filme. Foi muito divertido faze-lo.

Luis Fernando Estrazulas