26 outubro 2008


Segundo turno! É a festa da democracia! A menos que vocês seja mesário, que vai passar dez horas numa salinha ouvindo a repetitiva musiquinha da urna eletrônica, aí é a rave da democracia!
Mas sem brincadeira, segundo turno é que nem dar a segunda na mesma noite. É uma versão mais rapidinha e com menos firula que a primeira, só pra garantir que o eleitorado ache que o trabalho foi bem feito. Será que um prefeito eleito em segundo turno é melhor que um eleito em turno único? Sei não....

2 comentários:

Fabio disse...

Considerando que o voto é obrigatório, seria então um estupro??

raquel alberti disse...

uma verdadeira sacanagem.