12 novembro 2006

Uhu!! Texto de artista!!! Documento!!! Tô me sentindo tão importante de ter que falar sobre a minha produção!!!

O Labareda perguntou por quê o Dinossauro é um dinossauro e todas os outros personagens são humanos. Minha resposta é a seguinte. Ele é um dinossauro para mostrar que ele é diferente das outras pessoas. Ele podia ser ruivo... Aí o Labareda ia perguntar “Por quê o Ruivo é ruivo e os outros personagens são humanos?”.
Mas por quê fazer um personagem dinossauro? Porquê “humor” para mim é como é “sexo” para a Luciana Gimenez: bom é quando tem um dinossauro envolvido.

Ele é um dinossauro pq ser um dinossauro representa o que quero passar com a personalidade dele, uma figura contrária a do robô. Aliás, o robô surgiu depois, então ele é que surgiu para ser uma figura contrária a do nosso amigo jurássico.... mas pq a princípio eu fiz um dinossauro? Por quê eu queria fazer um personagem que fosse alguém que acredita em valores antigos, alguém que fosse “old-fashioned”, que não se encaixa nos problemas contemporâneos, que vivesse de uma maneira extrema os contratempos modernos.... e ninguém é mais fora da atualidade do que um dino.
Os outros personagens são humanos pq a história se passa nos dias de hoje, onde os dinossauros são a menor minoria étnica que existe. Eventualmente um outro pode aparecer, mas eu duvido muito.... o cachê do Barney tá muito alto e o Dino da Silva Sauro tá fora de moda.

Abraços

2 comentários:

Luiz Augusto disse...

Pô, muito boa e elaborada a teoria toda da coisa! Chique! Só achei PAIA o "old fashioned". PRA QUÊ usar uma expressão em inglês pra dar ênfase se existem MUITAS E MELHORES expressões em português? Às vezes eu acho q o Brasil entrou numa fase de "migração idiomática", CREDO.

Labareda disse...

Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh, não entendi....hehehe
sim, sim, muito boa a explicação. Só me responde outra então, como o pluto e o pateta são cachorros, mas só o pateta fala e o pluto age como um cachorro?